Produtos de tratamento de água

Tratamentos terciários 

Na Salher temos sistemas de tratamento terciário adequados para a reutilização das águas, em função da qualidade final exigida e segundo o uso para o que se destina.
Além disso, concebemos tratamentos adequados para o aproveitamento das águas pluviais.

Os equipamentos Salher cumprem a atual normativa em reutilização de águas depuradas: “R.D. 1620/2007, de 7 de dezembro, pelo que se estabelece o régimen jurídico da reutilização das águas depuradas”.

Configurações de tratamentos terciários.

  • Para cumprir com a qualidade residencial na rega de jardins privativos e na recarga de aparelhos sanitários.
  • Para cumprir com a qualidade de serviços na rega de zonas verdes urbanas (parques, campos desportivos, limpeza de pavimentos de ruas, etc.), bosques e culturas, e na lavagem industrial de veículos.

  • Para cumprir com a qualidade industrial nas águas de processo e limpeza (exceto na indústria alimentar).
  • Para cumprir com a qualidade nos usos recreativos, tais como a rega de campos de golfe.

E para qualquer outra qualidade de água exigida ou outros usos previstos.

Sistema de reutilização Salher.

O sistema de reutilização pode formar parte de uma estrutura com todos os elementos interligados, ou serem elementos independentes para a sua posterior instalação.

A estação de reutilização marca Salher®, é um conjunto de elementos de afino para o tratamento de águas cinzentas (procedentes de duches, banheiras e lavatórios) e de águas residuais (domésticas e industriais) depuradas. Em ambos casos, obtém-se água com uma qualidade óptima em função dos diferentes usos previstos e cumprindo os valores máximos admissíveis, definidos pela atual normativa em matéria de reutilização de águas (R.D. 1620 / 2007).

Sistemas de ultrafiltração

Cujo objetivo é a eliminação de vestígios e micro-contaminantes, conseguindo um efluente 100% livre de vírus, bactérias e outros patógenos; uma água com a máxima qualidade para a sua reutilização. Os equipamentos que constituem estes sistemas são os módulos de filtração, compostos por membranas na faixa de ultrafiltração ((diâmetro nominal de poro < 0.1 µm)) e o skid ou bastidor em PRFV, com montagem de pré-filtro, membranas UF, periféricos, instrumentação, sistema de limpeza e quadro elétrico.

Sistemas de filtração por carvão ativado

Cujo objetivo é a eliminação de vestígios de matéria orgânica, cloro livre, desodorização, e decoloração da água. Os equipamentos que constituem estes sistemas são os filtros de alto rendimento munidos de material de enchimento (carvão ativado) segundo as aplicações.

Sistemas de filtração de alto rendimento

Cujo objetivo é a eliminação de vestígios de sólidos em suspensão. Os equipamentos que constituem estes sistemas são os filtros de alto rendimento munidos de material de enchimento de granulometrias selecionadas segundo as aplicações, os filtros de anilhas e os filtros de cartucho.

Sistema de desinfeção

Cujo objetivo é a eliminação de germes patógenos, desinfeção de águas residuais tratadas com altos valores de turvação ou cor e a manutenção da qualidade da água nos depósitos. Os equipamentos que formam estes sistemas tratam da cloração e da radiação ultravioleta.

Estações compactas de reutilizaçãom

As estações compactas de reutilizaçãom servem para: eliminar sólidos em suspensão, matéria orgânica, nematodos intestinais, escherichia coli, turvação, cloro livre, desodorização e decoloração da água.

As estações compactas de reutilização de águas cinzentas e águas residuais depuradas, para diferentes aplicações, a GRISAL-AUT.

Estações GRISAL-AUT

É constituída por uma estrutura em aço  galvanizado com filtro de alto rendimento con sistema de limpeza automático, cargas de areia de sílex e antracite, eletroválvulas, manómetros, filtro anilhas, filtro de cartucho, tomadas de amostragem, lâmpada UV, sensor UV, bomba corante e depósito corante.

Além disso, para o seu correto funcionamento dispõe de sistema de alimentação da estação de reciclagem, um depósito de água limpa para manutenção, um depósito de recolha de águas brutas, um depósito de acumulação de água limpa e o quadro elétrico.

Estações compactas de reutilização de águas residuais industriais depuradas, procedentes de sistemas automáticos de lavagem de veículos, a LAVA-E.

Estações LAVA-E

As estações compactas de reutilização de águas residuais industriais depuradas, procedentes de sistemas automáticos de lavagem de veículos, a LAVA-E, é constituída por uma estrutura em aço galvanizado com filtro de alto rendimento com sistema de limpeza automático, cargas de areia de sílex e antracite, eletroválvulas, manómetros, filtro de anilhas, filtro de cartucho, filtro de carvão ativado com sistema de limpeza automático, cargas de carvão ativado, tomadas de amostragem, lâmpada UV e sensor UV.

 

Além disso, para o seu correto funcionamento possui os seguintes elemento: um sistema de alimentação da estação de reciclagem, um depósito de água limpa para manutenção, um depósito de recolha de águas brutas, um depósito de acumulação de água limpa e o quadro elétrico.

Estações compactas de reutilização de águas, mediante tecnologia de ultrafiltração.

Estações de reutilização de águas mediante ultrafiltração

Para a reutilização de águas residuais, pluviais e depuradas mediante sistemas de membrana de alta eficiência, a Salher concebe, desenvolve e desenha as estações compactas de reutilização de águas, mediante tecnologia de ultrafiltração.

Esta tecnologia pode ser utilizada para tratar águas residuais depuradas procedentes de núcleos urbanos (águas negras e cinzentas) e para lavagem automática de veículos.

As estações de reutilização da Salher que incluem este sistema estão equipadas de  módulos de ultrafiltração com membranas tubulares hidrofílicas de fibra oca reforçada com tamanho de poro menor a 0.1 micras, um sistema de limpeza com depósito pulmão, depósito de reagente, sistema de dosagem e controlo de agente desinfetante, compressor e bomba de circuito de limpeza, dum sistema de alimentação aos módulos de filtração, dum pré-filtro de segurança, além de instrumentação, nomeadamente caudalímetro, sensores, ligações e valvulas diversas,  quadro elétrico com autómato ou controlo manual, e de skid em PRFV com interligações hidráulicas e elétricas dos diferentes elementos.

 

material da membrana PVDF modificado
superficie da membrana ativa 38 m2
entrada / saída de tamanho dn32
tamanho dos poros (micras) <0,1
de fibra id / od 0.6/1.22 mm
filtração de modo de exterior/interior
diâmetro 160 mm
comprimento 1730 mm
material de cobertura exterior ABS
material de fixação epoxi

Reutilização de água da chuva.

SAL-PLU

Equipamento de tratamento de águas pluviais SAL-PLU

Para a reutilização de água da chuva, a Salher desenvolve e desenha o equipamento de tratamento de águas pluviais SAL-PLU, composto por uma estrutura compacta com interligações hidráulicas e elétricas dos elementos, uma cabeça de filtração com sistema de limpeza automático e manual, um sistema de desinfeção com bomba doseadora de membrana por acionamento eletromagnético, depósito de acumulação de polietileno cilíndrico para  mistura do produto e um equipamento de teste manual para cloro – ph e outro de medição de caudal, uma bomba de recirculação com tomada de aspiração flotante e regulador de nível, e o quadro eléctrico de proteção e manobra.

 

Também para este processo de reciclagem e depuração de águas pluviais, a Salher proporciona o modelo RAP que filtra e armazena as águas pluviais para a sua reutilização na rega.

 

Este equipamento pode ser fornecido para as duas versões, à superfície ou para enterrar, e consiste num depósito acumulador fabricado em PRFV que incorpora um filtro com corpo de poliamida de alta resistência a pressões elevadas ou golpes de aríete, um defletor de entrada ao depósito acumulador, aspiração flotante que permite a aspiração da água mais limpa, bomba submersível para a rega por aspersão e, de modo opcional, um quadro elétrico de proteção para controlo e manobra.

Obtenção de uma água ultrapura.

Estações compactas de potabilização mediante desmineralização / eletrodesionização.

Posicionados entre a potabilização e a reutilização, a Salher desenvolve e desenha os tratamentos de polido para a obtenção de uma água ultrapura. Deste modo inclui no seu catálogo as estações compactas de potabilização mediante desmineralização / eletrodesionização, com a referência PUR-EDI, através das que se obtém uma água tratada de excelente qualidade, e também as  estações compactas de potabilização mediante eletrodesionização contínua com a referência PUR-CEDI.

PUR-CEDI

Este equipamento de desmineralização por intercâmbio iónico ou mediante módulo de eletrodesionização para a produção de água ultrapura, consiste num sistema de polido nas águas previamente osmotizadas, conseguindo chegar a produzir uma água com menos de 0,1 μs/cm de condutividade. As concentrações de sílice residual podem chegar a atingir valores até de 1 g / l.

PUR-EDI

O PUR-EDI é constituído por uma estrutura compacta com filtros de intercâmbio iónico de alto rendimento, em PRFV, com sistema de limpeza automático, um módulo de eletrodesionização, um sistema de microfiltração de 5 e 1 micras, um sistema de alimentação ao tratamento de desmineralização, um condutivímetro de controlo de permeado e o quadro elétrico para controlo e comando do tratamento.

As estações compactas de potabilização mediante eletrodesionização contínua concebidas pela Salher supõem uma tecnologia totalmente inovadora para a produção de água de elevada qualidade. Este sistema de desmineralização que, pelo seu próprio ciclo de funcionamento, não requer da utilização de regeneradores como o ácido e a soda, é um tratamento que permite conseguir uma produção de água com menos de 0,1 μs/cm de condutividade em águas osmotizadas. As concentrações de sílice residual podem chegar a valores até de 1 g/l.

Estas estações estão formadas por uma estrutura compacta sobre a que são montados diferentes elementos, nomeadamente um depósito com um módulo de eletrodesionização mediante eletricidade, membranas seletivas (catiónicas e aniónicas), resinas de intercâmbio iónico, um sistema de microfiltração de 1 micra, um sistema de alimentação ao tratamento de filtração, um condutivímetro de controlo de entrada e de permeado, e o quadro elétrico com autómato PLC para controlo e comando do tratamento.

    Mais informação:

    Consulte quaisquer questões gerais ou específicas sobre esses ou outros equipamentos e soluções para nossos engenheiros.

    Produtos Salher

    Separadores de hidrocarbonetos

    Potabilização

    • Estações compactas de potabilização.
    • Estações compactas de ultrafiltração.
    • Estações de osmose inversa.
    • Sistemas de desinfeção.

    Tratamentos de lamas

    Tratamentos primários

    • Flotador por ar dissolvido Vespa.
    • Decantadores.

    Tratamentos secundários

    • Depuradoras por lamas ativadas.
    • Depuradoras com leito móvel (MBBR).
    • Depuradoras com biomembranas (MBR).
    • Depuradoras de leito bacteriano.
    • Depuradoras especiais.

    Tratamentos terciários

    Pré-tratamentos

    • Sistemas de gradagem.
    • Desarenadores e câmaras de gorduras.

    Poços de bombagem

    Accesorios

    portugal@salher.com

    Zona Industrial de Vagos, lotes 44-46, 3844-909 Vagos-Aveiro, Portugal.

    +351 234 795 821

    Portugal / +351 234 795 821 - 23

    Espanha / +34 91 875 75 30

    França / +33 1 84 16 47 84

    Malásia / +60 102 452 108

    México / +52 55 5081 8437

    Paraguai / +52 55 5081 8437

    Perú / +51 620 0722

    Polónia / +48 22 737 24 95

    Colômbia / +52 55 5081 8437

    Engenharia - Tratamento de águas residuais - Depuração - Sistemas de separação de líquidos e sólidos para processos industriais e municipais - Águas superficiais - Águas subterrâneas - Reutilização - Potabilização - Separação de óleos minerais e hidrocarbonetos

    Política de privacidade

    Política de Qualidade