Como tratar as águas residuais produzidas pela indústria têxtil?

Set 15, 2022

As taxas de produção e consumo de vestuário aceleraram a níveis insustentáveis, tornando a indústria da moda a segunda mais poluente do mundo, devido à enorme quantidade de produtos químicos presentes nos corantes das roupas e ao grande consumo de água utilizada no fabrico das mesmas. A Salher propõe tratamentos de água da indústria química e têxtil, para tentar travar a situação nos países produtores.

A indústria da moda é a segunda mais poluente do planeta, apenas atrás da indústria do petróleo. Segundo a revista americana Harper’s Bazaar, cada ano, são produzidas 100 biliões de peças de vestuário em todo o mundo.

Para entender, o porquê de a situação ser preocupante, devemos ter em conta, por um lado, os corantes utilizados na produção de roupas que contêm substâncias químicas responsáveis por aproximadamente 20% da contaminação global da água potável, devido à alta resistência da degradação biológica.

Por outro lado, para fabricar roupas, é necessário um grande volume de água, que varia de acordo com o tipo de fibra e o processo de produção. Por exemplo, para produzir um par de calças jeans, são necessários cerca de 7.500 litros de água e uma camisa requer 2.700 litros de água, ou seja, a água potável que uma pessoa consome em dois anos e meio.

Além disso, deve-se ter em consideração que a maioria dessas indústrias está localizada em países, onde a legislação ambiental, relativamente à descarga de efluentes, é bastante permissiva, por vezes, até inexistente.

É de salientar que, a moda em segunda mão vive o seu melhor momento e, embora a resposta das marcas da indústria têxtil seja tentar adotar um modelo mais “eco” e sustentável, parece que não basta para aliviar a crise climática. Neste contexto, a Salher desenvolveu soluções compactas personalizadas para o tratamento deste tipo de águas residuais industriais, que podem ser tão prejudiciais para a saúde e os ecossistemas.

Tratamento de água da indústria têxtil e da indústria química

Em Kuala Lumpur, na Malásia, há uma estação de tratamento de águas residuais de uma indústria têxtil, que anteriormente descarregava o efluente não tratado para um rio próximo das instalações fabris. Esta ETAR concebida, fabricada, instalada e o arranque realizado pela Salher, serve para a remoção da matéria orgânica e dos pigmentos e corantes com que se tingem as peças de vestuário.

Para isso, a planta conta com as fases de tratamento habituais de uma ETAR deste tipo (bombagem, pré-tratamento por meio de tamisador rotativo e depósito de homogeneização), incorpora um labirinto para condicionamento químico e controlo de pH, um decantador lamelar, sistema de coagulação-floculação com o respetivo tratamento físico-químico, nesta situação o Flotador por Ar Dissolvido (DAF) Vespa, e por último um tratamento biológico com tecnologia de lamas ativadas.

Neste caso particular, a Salher incluiu na fábrica uma linha de tratamento para as lamas produzidas durante o processo de tratamento do efluente. Trata-se de uma unidade de acondicionamento de lamas, com uma unidade de preparação de polieletrólito Salher e um sistema de desidratação de lamas por meio de um filtro prensa.

Atualmente, o tratamento de efluentes é essencial para cumprir as restrições de descarga, mas não o suficiente. Por esta razão, a Salher está a estudar uma ampliação desta ETAR, que inclui o projeto e instalação de tecnologias para reutilização de água, através de membranas cerâmicas de ultrafiltração.

Mais informação

Em caso de dúvida ou se pretender mais informação sobre as nossas soluções de tratamento de águas residuais da indústria têxtil

Boletim Salher

Categorias

Últimas notícias

Salher regressa à Feira Internacional de Havana

Salher regressa à Feira Internacional de Havana

Após dois anos de intervalo, devido à pandemia, a Salher retoma a participação em eventos internacionais. Por ocasião da Feira Internacional de Havana, o departamento comercial para o mercado...

Produtos Salher

Concebidos e desenvolvidos para dar soluções a todas as necessidades em tratamento de águas.

Serviços

Serviço de Projetos

Desenvolvimento de engenharia e gestão de projetos.

Fabricação

Produção de equipamentos em PRFV, polipropileno e aço.
Montagem de equipamentos modulares e integração em obra civil.

Fornecimento

Seleção de equipamentos e instrumentos eficientes para criar a solução integral de tratamento de águas.

Posta em serviço

Assistência técnica da montagem eletromecânica e elétrica de cada estação de tratamento de águas.

Manutenção

Serviço de controlo posterior da instalação por parte de uma equipa técnica qualificada.

Formação e apoio documental

Formação teórica e prática, e entrega de manuais de operação, posta em marcha e manutenção.

portugal@salher.com

Zona Industrial de Vagos, Lotes 44-46 - Apart. 139, 3844-909 Vagos, Aveiro - Portugal.

+351 234 795 821

Portugal / +351 234 795 821 – 23

Espanha / +34 91 875 75 30

Polónia / +48 22 737 24 95

México / +52 55 5081 8437

Paraguai / +52 55 5081 8437

Perú / +51 620 0722

Malásia / +60 102 452 108

Engenharia – Tratamento de águas residuais – Depuração – Sistemas de separação de líquidos e sólidos para processos industriais e municipais – Águas superficiais – Águas subterrâneas – Reutilização – Potabilização – Separação de óleos minerais e hidrocarbonetos

Política de privacidade