A solução mais eficaz para tratar as águas da indústria láctea

Ago 31, 2020

Leite, queijo, iogurte, manteiga, nata, requeijão, gelado… Não é segredo: a produção de qualquer tipo de lacticínios gera um elevado volume de água de processo com matéria orgânica, azoto e fósforo, detergentes, acidez, óleos e gorduras.

Isto representa um problema para os fabricantes de produtos lácteos e um importante prejuízo para o ambiente. Na Salher há 40 anos que tratamos todos os tipos de águas residuais e estudamos a solução mais adequada para cada caso.

Além do desenvolvimento da solução de engenharia, na Salher somos fabricantes do equipamento que constitui cada estação de tratamento de água. Isto permite-nos garantir a qualidade e especialização em todas as fases do projeto e cumprir os parâmetros de descarga exigidos.

Na indústria do leite e seus derivados, as águas residuais são geradas durante o processo de produção, embora existam também outras fontes, tais como operações de limpeza das fábricas e usos sanitários. Contudo, o momento em que é produzido o maior volume de água contaminada é durante as operações periódicas de esvaziamento, a fim de manter as condições higiénicas e de qualidade exigidas pela fábrica.

Como podemos tratar as águas residuais geradas durante o processo de produção de lacticínios?

Durante a sua longa trajetória, a Salher tem desenvolvido múltiplas soluções para tratar águas do sector lácteo. Em cada caso, a tecnologia selecionada dependerá de critérios técnicos, ambientais, económicos e de operação, nomeadamente:

 

  • Qualidade da água exigida: dependendo se o meio recetor é um esgoto municipal,   rio ou o mar;
  • Necessidade de reutilização das águas;
  • Tamanho da fábrica e volume de água que gera;
  • Superfície disponível na fábrica para instalar a estação de tratamento;
  • Natureza das águas residuais: águas industriais e/ou urbanas, e/ou pluviais;
  • Flexibilidade face a variações no fluxo e cargas poluentes;
  • Gestão das lamas geradas;
  • Complexidade de operação e manutenção requeridas;
  • Grau de automatização: Quadro elétrico e/ou autómato, e/ou Scada.

Soluções para o tratamento de águas residuais da indústria de laticínios


Com base nos dados de partida acima mencionados, será desenvolvida uma solução de acordo com as necessidades de cada cliente, que consiste em diferentes operações unitárias:

  1. Pré-tratamento: Equipamento prévio à etapa de depuração, consiste normalmente num ou vários poços de bombagem, equipamento tamisador de finos, um tanque de homogeneização e regulador do caudal,  e um equipamento para a separação de gorduras como o flotador por ar dissolvido (DAF).
  2. Tratamento Biológico: São os equipamentos destinados à depuração da água residual industrial e podem utilizar tecnologia de Lamas ativadas de Baixa Carga, Média Carga ou Alta Carga, Processos MBBR ou Processos MBR.
  3. Tratamento Terciário: No caso em que as necessidades do projeto ou do cliente assim o requerirem, a Salher pode dimensionar sistemas para melhorar a qualidade da água após a sua depuração mediante sistemas como a Microfiltração, a Ultrafiltração ou os Sistemas de desinfeção.
  4. Tratamento de Lamas: Durante o processo de depuração de águas residuais é gerado um volume de lamas, para o que a Salher também apresenta uma solução  estabilização, espessamento e desidratação.
  5. Tratamento de Odores: Por último, neste tipo de depuradoras Salher podem incluir-se sistemas de desodorização mediante carvão ativado e ionização.

O Departamento de Engenharia da Salher oferece diferentes configurações para estas estações. Os clássicos e mais convencionais consistem em soluções pré-fabricadas montadas em reatores em PRFV (Poliéster Reforçado com Fibra de Vidro) para a sua instalação à superfície ou enterrada. Além disso, a fim de responder a todo o tipo de necessidades, a Salher concebe estações montadas em contentores ou em casas de obra, bem como instalações para execução em obra civil.

Referências de estações de tratamento para a indústria de laticínios da Salher

Boletim Salher

Por favor habilite seu javascript para enviar este formulário

Categorias

Últimas notícias

Poços de bombagem, porque escolher a marca Salher?

Poços de bombagem, porque escolher a marca Salher?

A Salher tem 40 anos de experiência fabricando poços de bombagem em poliéster reforçado com fibra de vidro (PRFV) para toda a tipologia de águas limpas e residuais, de múltiplos tamanhos.As estações...

Produtos Salher

Concebidos e desenvolvidos para dar soluções a todas as necessidades em tratamento de águas.

Serviços

Serviço de Projetos

Desenvolvimento de engenharia e gestão de projetos.

Fabricação

Produção de equipamentos em PRFV, polipropileno e aço.
Montagem de equipamentos modulares e integração em obra civil.

Fornecimento

Seleção de equipamentos e instrumentos eficientes para criar a solução integral de tratamento de águas.

Posta em serviço

Assistência técnica da montagem eletromecânica e elétrica de cada estação de tratamento de águas.

Manutenção

Serviço de controlo posterior da instalação por parte de uma equipa técnica qualificada.

Formação e apoio documental

Formação teórica e prática, e entrega de manuais de operação, posta em marcha e manutenção.

portugal@salher.com

Zona Industrial de Vagos, lotes 44-46, 3844-909 Vagos-Aveiro, Portugal.

+351 234 795 821

Portugal / +351 234 795 821 - 23

Espanha / +34 91 875 75 30

França / +33 1 84 16 47 84

Malásia / +60 102 452 108

México / +52 55 5081 8437

Paraguai / +52 55 5081 8437

Perú / +51 620 0722

Polónia / +48 22 737 24 95

Colômbia / +52 55 5081 8437

Engenharia - Tratamento de águas residuais - Depuração - Sistemas de separação de líquidos e sólidos para processos industriais e municipais - Águas superficiais - Águas subterrâneas - Reutilização - Potabilização - Separação de óleos minerais e hidrocarbonetos

Política de privacidade

Política de Qualidade